Usando a tecnologia para organizar sua empresa

PostsBlogSistemaDorCabeca_2

Ter um pequeno negócio no Brasil não é fácil, isso todo mundo sabe. Saber organizar todos as áreas da empresa, criar estratégias, gerir a equipe não é uma tarefa simples e acaba por muitas vezes ficando nas mãos do dono. Para organizar o negócio e permitir que ele cresça de forma saudável eu listei algumas áreas importantes que você deve analisar com a ajuda de um sistema próprio.

Controle de Clientes

Considero esse o pilar mais importante, afinal, o cliente é a base de qualquer negócio. Sem ele, você não tem negócio, não é? Então é nele que você deve focar, analisar seu perfil e manter contato para vender seus produtos e/ou serviços. Para gerenciar essa carteira de clientes, você deve armazenar todas as informações possíveis que preservem um bom relacionamento. Isso porque você consegue entender suas necessidades, suas dores e como ajudá-lo. E possuindo formas de contato, fica bem mais fácil fidelizá-lo.

Esse contato pode ser feito por e-mail, através de campanhas padrão ou personalizadas, telefone, mensagens por WhatsApp e até interações nas redes sociais. Algumas das informações valiosas são: nome, idade, endereço (geral como bairro e cidade ou mais específico como logradouro), telefone e e-mail.

E o que um sistema de gerenciamento de clientes deve ter? Ele deve permitir que você armazene o máximo de informações de um mesmo cliente, deve organizá-los de diversas formas e ter um sistema de pesquisa fácil e rápido de se usar.

Fluxo de Caixa

No sistema de fluxo de caixa, você deve registrar todas as transações da empresa; receitas e despesas. Gastos como aluguel, internet, telefone, energia, pagamentos e outras despesas devem estar sempre presentes. Separando esses gastos em categorias diferentes, é possível criar estratégias para diminuir os gastos e repassá-los para setores mais carentes.

Usando um programa de gestão financeira que automatiza todos os cálculos contábeis da empresa, você poderá ter conhecimento se sua empresa está realmente dando lucro ou não. Vendo onde aparecem buracos no final do mês, qual setor gasta mais recursos, se certos custos fazem sentido.

O que não pode faltar num programa de gestão financeira? Espaço para armazenar todas as transações, maneira de categorizá-las e analisá-las.

Controle Comercial e Estoque

Sendo uma empresa que presta serviços ou que vende produtos, é importante saber o quanto se gasta com cada “venda”. Em um sistema de controle comercial você consegue ver as receitas da sua empresa, provenientes das vendas, locações ou prestações de serviços. Gerenciando esses pedidos, que podem ser organizados em orçamentos, vendas, contratos, até mesmo permuta, você pode compreender melhor como sua empresa fatura e o que cada lucro significa para a mesma.

E o controle de estoque não é diferente. Uma empresa sempre tem fornecedores, seja eles o material de trabalho ou de matéria prima dos produtos. Com uma boa gestão, você consegue determinar as metas mensais, anuais e urgentes do seu negócio.

Onde entra a tecnologia nisso?

Existem softwares que permitem que você realize a gestão de qualquer lugar a qualquer hora. A vantagem dos acessíveis pela internet é que não importa onde você esteja ou que dispositivo use, você tem acesso a todas as informações e controlar o seu negócio. Com um sistema personalizado, esse controle fica ainda mais preciso.

Pense um pouco na possibilidade de contratar um sistema assim ou pedir um personalizado para sua equipe. Os resultados podem te surpreender.

Lara Carvalho

Lara Carvalho

Designer e programadora do Rio de Janeiro, trabalho em conjunto a empresas para cuidar de seu controle interno com sistemas e sua captação de clientes através do marketing digital.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *